EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Espanha anuncia plano de recuperação económica

Espanha anuncia plano de recuperação económica
Direitos de autor Richard Drew/AP
Direitos de autor Richard Drew/AP
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O governo espanhol anunciou um plano de combate à recessão financiado em 140 mil milhões de euros pelos fundos europeus, numa altura em que os países da UE buscam o relançamento económico.

PUBLICIDADE

O primeiro-ministro espanhol, Pedro Sánchez revelou, esta quarta-feira, o plano para tirar o país da recessão, com ajuda da União Europeia. Sánchez conta com 140 mil milhões de euros dos fundos europeus. para "recuperar e modernizar" a economia de Espanha, entre 2021 e 2026.

Nos próximos três, o governo vai mobilizar 72 mil milhões de euros tendo em vista um aumento superior a 2,5 pontos por ano do Produto Interno Bruto (PIB) e a criação de 800 mil postos de trabalho.

França, a segunda maior economia da zona euro, alerta também para a probabilidade de um relançamento económico no quarto trimestre, depois do sufoco da atividade empresarial pelo pico da pandemia.

As principais economias europeias estão a desvalorizar previsões económicas desastrosas na sequência de uma segunda vaga de infeções por coronavírus, numa altura em que o continente ultrapassou já os seis milhões de casos registados.

O relativo otimismo é confirmado por Christine Lagarde. A presidente do Banco Central Europeu afirmou que "as medidas tomadas desde o início desta crise devastadora contribuíram de forma mensurável para aliviar as condições financeiras e restaurar e preservar a capacidade de absorção de choques de todo o (...) sistema financeiro. 

Lagarde defende que, "aliadas às ações decisivas tomadas pelos governos da zona euro, [essas medidas] criaram as condições para que os bancos e os mercados de capitais apoiem e alimentem a recuperação económica [da Europa]".

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Regiões a norte de Madrid escapam à pandemia

Investidores mais confiantes na economia europeia

Economia francesa afunda 13.8% devido à Covid-19