EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Rejeitado recurso da Ryanair contra apoios à Air France e SAS

Rejeitado recurso da Ryanair contra apoios à Air France e SAS
Direitos de autor Martin Meissner/AP
Direitos de autor Martin Meissner/AP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Tribunal de Justiça da União Europeia diz que ajudas estão em conformidade com leis comunitárias

PUBLICIDADE

A primeira instância do Tribunal de Justiça da União Europeia rejeitou o recurso interposto pela Ryanair contra as ajudas estatais dadas por França e pela Suécia às companhias aéreas Air France e SAS.

A companhia aérea de baixo custo irlandesa já fez saber que vai recorrer da decisão. Insiste que os apoios para suportar o impacto da pandemia violam as regras concorrenciais. E sublinhou, em comunicado, que a "luz verde" da Comissão Europeia permitiu aos Estados-membros passar "cheques em branco" a empresas "ineficientes, em nome de um "orgulho nacional ferido."

O tribunal considerou que os dispositivos utilizados quer no caso de França quer no caso da Suécia - e aprovados pela Comissão Europeia - estão em conformidade com o direito comunitário.

Nas próximas semanas, o tribunal deverá pronunciar-se sobre outras ações em curso que visam Estados-membros como Espanha, Alemanha, Dinamarca e Portugal, onde a TAP beneficiou, com condições de reembolso, de uma ajuda estatal de emergência de 1,2 mil milhões de euros para dar resposta às necessidades urgentes de liquidez.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

BMW, Jaguar e Volkswagen criticadas por importarem peças e automóveis chineses proibidos

Microsoft compromete-se a investir 4,3 mil milhões de dólares em França

Perspetivas económicas da OCDE: Crescimento global estável esperado para 2024 e 2025