Primeiro filme ucraniano sobre abate do MH17 estreia em fevereiro na Europa

Filme sobre a queda do avião MH17.
Filme sobre a queda do avião MH17.   -   Direitos de autor  Babylon'13
De  Euronews

Iron Butterflies é o nome do primeiro filme de um realizador ucraniano sobre a queda do avião MH17, da Malasya Airlines, abatido em 2014, quando sobrevoava a Ucrânia. Perto de 300 pessoas perderam a vida.

Roman Liubyi, o realizador, deu uma entrevista à Euronews, antes de ir para os Estados Unidos para a estreia mundial do filme.

Este filme reflete muitas coisas. Não é apenas sobre a queda em si, mas também sobre todas as consequências
Roman Liubyi
Realizador

O realizador do filme menciona ainda que o filme reflete "a forma como este evento mudou os meios de comunicação sociais a nível mundial".

Dois cidadãos russos e um ucraniano foram considerados culpados pelo abate do avião. Na altura, a Rússia negou o seu envolvimento neste caso.

O filme ajuda a ampliar os vários pontos de vista sobre o tema, mas, no final, a conclusão é a mesma: o avião, que fazia a rota Amsterdão – Kuala Lumpur, terá sido abatido por um míssil russo, disparado de forma acidental ou não, algo que já denunciava a guerra que se avizinhava.

"É muito importante falar sobre este assunto agora: a guerra não começou em 2022. Antes era apelidada de guerra híbrida. O que era preto e branco misturava-se e era realmente difícil falar sobre isso. Agora, todos entendem quem é o criminoso", referiu ainda o realizador.

Euronews
Roman Liubyi, realizador ucraniano.Euronews

Após a estreia mundial no Festival de Sundance, nos Estados Unidos, será a vez da estreia europeia no Berlinale, o Festival de Cinema de Berlim, a 16 de fevereiro.