EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Thom Yorke e Stanley Donwood revelam pinturas produzidas em conjunto numa exposição em Londres

Uma série de novas pinturas em grande escala, cocriadas por Stanley Donwood e Thom Yorke, será apresentada pela galeria TIN MAN ART.
Uma série de novas pinturas em grande escala, cocriadas por Stanley Donwood e Thom Yorke, será apresentada pela galeria TIN MAN ART. Direitos de autor AFP / Tin Art Man gallery
Direitos de autor AFP / Tin Art Man gallery
De  Theo Farrant
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Artigo publicado originalmente em inglês

As pinturas de The Crow Flies tiveram origem na arte da capa do aclamado álbum de estreia dos The Smile, "A Light for Attracting Attention".

PUBLICIDADE

O vocalista dos Radiohead, Thom Yorke, e o artista Stanley Donwood, cuja parceria criativa se estende há cerca de três décadas, vão inaugurar uma nova exposição de arte em Londres, intitulada "The Crow Flies Part One".

A mostra, que apresenta uma série de novas pinturas em grande escala, é o resultado de dois anos de trabalho conjunto dos dois artistas durante o confinamento.

É notável que Yorke e Donwood tenham pintado lado a lado, em tandem, durante este período.

A exposição, na galeria Tin Man Art, em South Kensington, decorre de 6 a 10 de setembro.

A parceria criativa de Yorke e Donwood

Torben Christensen/AFP
O músico Thom YorkeTorben Christensen/AFP

Stanley Donwood, que se cruzou pela primeira vez com Yorke durante os seus tempos de estudantes de arte, tem sido a força criativa por detrás de toda a arte dos álbuns e materiais promocionais dos Radiohead desde o lançamento de "The Bends" em 1995.

As suas pinturas icónicas ofereceram uma dimensão visual à música de Yorke, tanto na sua carreira a solo como em vários projetos da banda.

Tem sido o artista oficial do festival de música de Glastonbury desde 2002 e ganhou dois Grammys pelo seu trabalho artístico para os álbuns dos Radiohead "Amnesia" e "In Rainbows".

Refletindo sobre o seu recente projeto, Yorke comparou as sessões de arte ao processo de fazer música, dizendo "foi isso que achei incrivelmente excitante. Mantém-se ativa durante tanto tempo... Tornei-me tão consciente do facto de que os dois processos são quase exatamente os mesmos".

Observando as semelhanças entre a produção musical e a produção artística, ambos também se referiram a si próprios como uma "peça dupla", trabalhando lado a lado e respondendo ao trabalho um do outro em tempo real.

O que esperar da exposição

Tin Man Art / Thom Yorke e Stanley Donwood
'Unchecked' de 'The Crow Flies' da autoria de Thom Yorke e Stanley DonwoodTin Man Art / Thom Yorke e Stanley Donwood

A génese da série "The Crow Flies" remonta à sua criação como arte de capa do álbum de estreia dos The Smile, aclamado pela crítica, "A Light for Attracting Attention", lançado no ano passado.

The Smile é um projeto musical de Yorke, que conta com a participação do seu colega de banda dos Radiohead e compositor de cinema Jonny Greenwood, e de Tom Skinner, baterista de jazz e membro dos Sons of Kemet.

"The Crow Flies" explora o fascínio duradouro do duo por mapas e topografia, um fascínio que já era evidente no trabalho artístico do álbum "Hail to the Thief" dos Radiohead, lançado há duas décadas, em 2003.

Tin Man Art / Thom Yorke e Stanley Donwood
'Somewhere You'll Be There' de 'The Crow Flies' da autoria de Thom Yorke e Stanley DonwoodTin Man Art / Thom Yorke e Stanley Donwood

Os mapas do século XVII criados por piratas persas, as primeiras representações das Ilhas Britânicas e as cartas militares dos EUA que datam da década de 1960 serviram de inspiração para as pinturas.

As obras de arte fundem guache, têmpera e cogumelo em pó sobre tela, apresentando uma extensa linguagem de sinais e símbolos meticulosamente elaborados pelos artistas e complementados por imagens de apoio.

James Elwes, o diretor da galeria Tin Man Art, sublinha o significado cultural da exposição.

A parceria artística de 30 anos de Stanley Donwood e Thom Yorke tem sido culturalmente inovadora - e "The Crow Flies" marca um novo capítulo importante para eles. Esta exposição em duas partes apresenta o mais raro dos feitos: a pura cocriação", afirma Elwes.

E acrescenta: "As pinturas, ilustrações sublimes de virtuosismo técnico e mental, são o resultado do trabalho conjunto de dois artistas para construir mundos em guache e ouro".

Tin Man Art / Thom Yorke e Stanley Donwood
'Let Us Raise Our Glasses To What We Don't Deserve' de 'The Crow Flies' da autoria de Thom Yorke e Stanley DonwoodTin Man Art / Thom Yorke e Stanley Donwood

A exposição incluirá também uma tapeçaria flamenga baseada num dos quadros principais, especialmente encomendada pelos artistas para comemorar o primeiro aniversário do álbum.

PUBLICIDADE

Composta por mais de 20 obras, a série será apresentada em duas partes distintas, com a segunda parte a começar no final do ano.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Exposição mostra o génio sempiterno de Michelangelo

Quadro de Gustav Klimt vendido por 30 milhões de euros num leilão em Viena

Fantasmas do Passado: A artista Mónica de Miranda mergulha na história colonial de Portugal