EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Milhares de pessoas protestam em Barcelona contra o excesso de turismo

Milhares de pessoas protestam em Barcelona contra o excesso de turismo
Milhares de pessoas protestam em Barcelona contra o excesso de turismo Direitos de autor Joan Mateu/Copyright 2021 The AP. All rights reserved.
Direitos de autor Joan Mateu/Copyright 2021 The AP. All rights reserved.
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied
Artigo publicado originalmente em inglês

Cerca de 3.000 pessoas saíram às ruas de Barcelona, a cidade mais visitada de Espanha, para protestar contra o excesso de turismo. Hóteis e esplanadas de restaurantes encerraram como forma de protesto.

PUBLICIDADE

As manifestações contra o excesso de turismo chegaram à cidade de Barcelona, depois de nos últimos meses se terem realizado nas Ilhas Canárias e em Maiorca.

Cerca de 3.000 pessoas saíram às ruas de Barcelona, no sábado à noite, para protestar contra o turismo de massas na cidade, segundo as autoridades locais. Enquanto os manifestantes gritavam "turistas, vão para casa", alguns hóteis e esplanadas de restaurantes encerraram como forma de protesto.

Os manifestantes apelaram a ações para travar o turismo antes da época do verão, em que se prevê que Barcelona e toda a região da Catalunha venham a receber ainda mais turistas do que o habitual.

"Queremos que o modelo económico da cidade dê prioridade a outras economias muito mais justas. E para isso consideramos que temos de diminuir o turismo", disse Martí Cusó, porta-voz da associação de Vizinhos do Bairro Gótico e ativista contra a sobrelotação turística, citado pela AP.

Barcelona é a cidade mais visitada de Espanha, recebendo uma média de 32 milhões de visitantes por ano, muitos dos quais chegam em navios.

O conselho municipal votou recentemente a favor do aumento da taxa que cada turista deve pagar, para visitar a capital da Catalunha, para 4 euros. No entanto, esta medida só será posta em prática a partir de outubro.

"O que me preocupa é o que o turismo e a especulação implicam, a especulação que estão a fazer com a habitação dos espanhóis. Os espanhóis têm direito a uma habitação decente", explicou um habitante local, citado pela AP.

Câmara aprova plano para acabar com apartamentos turísticos

A Câmara Municipal de Barcelona anunciou recentemente um plano radical para eliminar as cerca de 10.000 licenças de apartamentos turísticos da cidade, nos próximos cinco anos.

A medida visa resolver a crescente crise nacional de habitação, que é particularmente grave em cidades turísticas como Barcelona.

Este plano reflete uma tendência global de cidades que começam a combater os efeitos do turismo de massas na vida local.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Alemanha, Itália e Reino Unido: quais os países europeus que mais gastaram em turismo no ano passado?

Maiorca: manifestação contra o turismo de massas

O que está em alta e o que não está para as viagens e o turismo este ano?