EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Mesa para um? Restaurantes de Barcelona recusam os clientes individuais a favor dos grupos de turistas

Os turistas comem numa das populares esplanadas de Barcelona.
Os turistas comem numa das populares esplanadas de Barcelona. Direitos de autor Photo by Davide Bonaldo/Sipa USA
Direitos de autor Photo by Davide Bonaldo/Sipa USA
De  Euronews Travel
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Artigo publicado originalmente em inglês

População local está cada vez mais frustrada com os restaurantes que procuram maximizar os lucros com os turistas durante a época alta do verão.

PUBLICIDADE

Os viajantes individuais que visitam Barcelona poderão, em breve, passar fome, a avaliar pelo número crescente de restaurantes que proibiram as refeições a sós.

As esplanadas são incrivelmente populares durante a primavera e o verão, quando milhões de turistas afluem à cidade. Mas há más notícias para quem janta sozinho, porque os donos dos restaurantes começaram a recusá-los a favor de grupos que geram mais dinheiro.

No centro de Barcelona, alguns restaurantes - principalmente na Carrer de Blai, conhecida pelos seus bares de tapas, e no bairro de Eixample - começaram a recusar clientes individuais.

O diário espanhol El Pais noticiou que os empregados de mesa estão a dar desculpas como o facto de estarem completamente cheios ou a recusar lugares nos terraços dos restaurantes.

Clientes que jantam sozinhos estão a receber péssimas mesas e desculpas

Para as pessoas que viajam e jantam sozinhas, uma receção fria não é assim tão invulgar. É muito comum sentar-se junto à casa de banho, à cozinha ou até mesmo num canto escondido.

Mas os habitantes de Barcelona também estão a sentir o impacto do turismo nos restaurantes da cidade.

Um habitante local contou ao jornal que experimentou vários estabelecimentos na mesma noite, mas que todos lhe recusaram a entrada, apesar de haver mesas vazias.

IMAGO/Mario Aurich via Reuters Connect
Moradores locais estão a ser afastados dos restaurantes durante as movimentadas temporadas de primavera e verão.IMAGO/Mario Aurich via Reuters Connect

"Na primeira esplanada em que consegui uma mesa, um empregado chegou rapidamente e disse-me que estava reservada. Não estava. Assim que me levantei, um grupo de ‘guiris' (estrangeiros) que estava atrás de mim sentou-se", conta.

Outro disse-lhe que teria apenas 20 minutos para comer e o último restaurante que tentou contactar diretamente disse-lhe que o terraço era apenas para grupos.

Porque é que os restaurantes estão a recusar clientes individuais?

A razão por detrás da proibição dos clientes que jantam sozinhos é financeira. As mesas com grupos são suscetíveis de gastar mais do que alguém que come sozinho. E os grupos de turistas também gastam mais dinheiro do que os locais.

Os habitantes locais estão a ficar cada vez mais frustrados com o facto de os restaurantes procurarem maximizar os lucros dos turistas.

Se antes podiam sentar-se no exterior e tomar uma bebida à noite ou um café à tarde, agora dizem-lhes que não.

À medida que as temperaturas começam a subir na primavera, os residentes são forçados a adaptar-se aos horários alimentares dos turistas, com muitos estabelecimentos a recusarem-se a receber quem procura uma bebida rápida depois das 12:00.

“16:00. Antes de entrar no MACBA (Museu de Arte Contemporânea de Barcelona) queremos tomar um café", disse a jornalista Noemí Vilaseca num post nas redes sociais em julho.

"Não nos servem na esplanada, porque 'é hora de um aperitivo [antes do jantar, claro]’."

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Barcelona debate-se com o futuro do turismo, enquanto a chuva dá um alívio de última hora à seca

Quer ir a um restaurante com estrela Michelin? Estes são os sítios mais acessíveis para o fazer

De Munique a Amesterdão: quais são as cidades europeias mais fáceis de percorrer a pé?