Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Testes de vacina contra ébola suspensos até janeiro

Testes de vacina contra ébola suspensos até janeiro
Tamanho do texto Aa Aa

Os testes de vacina contra o ébola foram temporariamente suspensos na Suiça devido a efeitos secundários.

A diretora geral adjunta da Organização Mundial de Saúde (OMS) anunciou o fim dos ensaios clínicos devido a inflamações registadas nos voluntários ao nível das articulações. Como medida de precaução os médicos preferiram suspender o estudo por algumas semanas. Por outro lado, esta pausa vai permitir compreender a razão das dores e observar a sua frequência.

O Prof. Laurent Kaiser, diretor de estudo vacina nos Hospitais da Universidade de Genebra explica: “Até agora estes efeitos secundários foram detetados apenas em Genebra. Pode ser porque aqui os voluntários são monitorados. Os sintomas são detetados rapidamente e com mais precisão.”

Os investigadores registaram quatro casos de dores ligeiras nas articulações das mãos e dos pés em pessoas que foram submetidas à vacina num período entre 10 a 15 dias antes.

A vacina experimental contra o ébola foi desenvolvida pelo Governo canadiano e recebeu a aprovação de dois laboratórios norte-americanos, o NewLink e o Merck.

Prevê-se que os testes sejam retomados em janeiro, na cidade suíça de Genebra.