EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Strauss-Kahn irrita-se contra acusação

Strauss-Kahn irrita-se contra acusação
Direitos de autor 
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

Absurdo!” Dominique Strauss-Kahn elevou o tom, esta quarta-feira, segundo dia de audiência no Tribunal Criminal de Lille, indignado com o facto de

PUBLICIDADE

Absurdo!” Dominique Strauss-Kahn elevou o tom, esta quarta-feira, segundo dia de audiência no Tribunal Criminal de Lille, indignado com o facto de as suas práticas sexuais poderem ser consideradas como prova de proxenetismo agravado, acusação a que responde.

Quatorze pessoas comparecem na qualidade de réu neste processo que visa somente apurar se as mulheres presentes nas festas libertinas de Strauss-Khan eram prostitutas e se este tinha conhecimento desse facto.

Treze dos réus comparecem por proxenetismo agravado, um décimo quarto por delitos financeiros. O ex-chefe do FMI, de 65 anos, pode ser condenado a até dez anos de prisão e a uma multa 1.500.000 € se forem provadas as acusações. O veredicto dever revelado no final do processo previsto para 20 de Fevereiro.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Macron pede que antissemitismo seja discutido nas escolas após violação de uma jovem judia

Líder da extrema-direita opõe-se ao envio de tropas francesas para a Ucrânia

Francês detido no Irão por participar em protestos após a morte de Mahsa Amini foi libertado