This content is not available in your region

Charutos cubanos preparam "invasão" dos EUA

Access to the comments Comentários
De  Ricardo Figueira  com Reuters, Fortune
Charutos cubanos preparam "invasão" dos EUA

Com um charuto na boca e os olhos postos ali ao lado, no gigantesco mercado norte-americano: Foi assim que os cubanos deram início ao festival anual do charuto.

Aquele que é o mais emblemático dos produtos de exportação da ilha é rei e senhor durante alguns dias.

Todos os anos são muitos os norte-americanos que deixam aqui alguns dólares em troca dos charutos. A diferença é que, este ano, podem fazê-lo legalmente.

“É a primeira vez que podemos comprar os charutos legalmente. Muitos de nós vínhamos cá comprar, mas era ilegal. Agora, podemos fazê-lo à vontade e estamos muito contentes”, diz Patricia Lofman, turista americana.

Os americanos podem levar para casa um máximo de cem dólares em charutos ou em rum cubano. A aproximação diplomática entre os dois países faz prever um levantamento total do embargo. Quando isso acontecer, os charutos cubanos devem conquistar, numa primeira fase, 30% do mercado dos Estados Unidos, um número que pode subir para os 70% no espaço de poucos anos.