A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Comoção e assobios em Cannes

Comoção e assobios em Cannes
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A festa do cinema prossegue em Cannes. Este sábado os melodramas tomaram conta do grande-ecrã.

“Mi Madre”, de Nanni Moretti, conta a história de um realizador de cinema que está a passar por uma crise existencial depois de ter perdido a mãe. Uma situação com a qual não consegue lidar. O filme tem um pouco de autobiografia.

“Depois dos recém-chegados se lançarem na competição, foi a vez dos veteranos na Palma de Ouro fazerem a sua aparição no tapete vermelho. Enquanto Nanni Moretti apresenta um filme comovente que seduziu a plateia, o melodrama de Gus van Sant foi vaiado e assobiado durante a projeção”, explica o enviado da euronews a Cannes, Frédéric Posard.

“Sea of Trees”, protagonizado por Matthew MacConnaughey e Naomi Watts, não convenceu o público em Cannes. O filme retrata dois homens, que se cruzam no sopé do Monte Fuji, no Japão, que se sentem perdidos e que iniciam aqui uma jornada de reflexão.