Última hora

Última hora

Presidente da Volkswagen pode estar de saída

Em leitura:

Presidente da Volkswagen pode estar de saída

Presidente da Volkswagen pode estar de saída
Tamanho do texto Aa Aa

Martin Winterkorn, presidente da Volkswagen, pode ter os dias contados no cargo e deve mesmo estar de saída, segundo a imprensa alemã.

Milhões de pessoas em todo o mundo confiam nas nossas marcas, nos nossos carros, nas nossas tecnologias. Peço muita desculpa se traímos essa confiança.

À semelhança do que já o presidente da filial norte-americana tinha feito-, Winterkorn pediu desculpas publicamente pelo escândalo que está a abalar a construtora automóvel alemã.

“Quero ser muito claro: Não vai voltar a haver manipulação na Volkswagen.
Milhões de pessoas em todo o mundo confiam nas nossas marcas, nos nossos carros, nas nossas tecnologias. Peço muita desculpa se traímos essa confiança”, disse Winterkorn.

A construtora automóvel alemã admitiu que fez fraude nos testes de emissões de partículas de gasóleo nos Estados Unidos.

O ministro alemão dos transportes, Alexander Dobrindt, já reagiu: “A Volkswagen garantiu-nos que iria cooperar inteiramente. Estabelecemos uma comissão que vai investigar se os veículos em causa foram construídos e verificados de acordo com as leis alemãs e europeias”, disse.

A investigação, que começou nos Estados Unidos, está a ser alargada a outros países. O mais recente episódio é o pedido feito pelo ministro francês das Finanças, Michel Sapin, para uma investigação a nível da União Europeia.

Também a Coreia do Sul vai passar a investigar, de forma independente, as emissões de partículas dos Volkswagen.