Última hora
This content is not available in your region

Paz cada vez mais distante na Síria

Paz cada vez mais distante na Síria
Tamanho do texto Aa Aa

Na Síria, as ofensivas diárias e o anúncio dos Estados Unidos sobre uma suspensão nas negociações com a Rússia fazem com que as perspetivas de paz fiquem cada vez mais distantes. A Human Rights Watch afirma que Moscovo, que apoia o regime sírio na guerra, está a usar bombas de fragmentação – um género de armamento que provoca um maior número de vítimas.

O número de mortos aumenta e as caravanas de ajuda humanitária estão a ser proibidas de entrar no território, como diz o coordenador das Nações Unidas para as questões humanitárias, Jens Laerke: “Tem sido um problema constante para nós, há anos – não conseguimos aprovações, não só para as caravanas de ajuda humanitária, mas várias outras. Já falámos sobre os obstáculos e sobre os entraves burocráticos que estão a ser colocados no nosso caminho, sim, por parte do governo sírio.”

De acordo com as Nações Unidas, o governo sírio ainda não respondeu às propostas de envio de ajuda humanitária, para as zonas mais afetadas.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.