EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Ucrânia: separatistas ameaçam tomar empresas estatais face a bloqueio do carvão

Ucrânia: separatistas ameaçam tomar empresas estatais face a bloqueio do carvão
Direitos de autor 
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O bloqueio da indústria do carvão na Ucrânia, que irrita tanto Kiev como os separatistas pró-russos, degenerou esta quarta-feira em violência.

PUBLICIDADE

O bloqueio da indústria do carvão na Ucrânia, que irrita tanto Kiev como os separatistas pró-russos, degenerou esta quarta-feira em violência.

Os nacionalistas e veteranos do Exército que impedem a passagem de comboios na estação de Kryvyi Torets foram atacados, num incidente que resultou em vários feridos e mais de três dezenas de detenções.

O bloqueio foi instaurado há dois meses, para interromper o transporte de carvão da zona industrial sob controlo dos separatistas, a Leste, para o resto do território, controlado pelo governo ucraniano. Apesar do conflito que fez cerca de 10.000 mortos em três anos, mantinham-se as trocas comerciais entre ambas as partes, consideradas vitais para a indústria do aço e a produção elétrica no país.

Num comunicado conjunto, os líderes das regiões separatistas de Donetsk e Luhansk ameaçaram tomar o controlo de quatro dezenas de empresas estatais, se Kiev não conseguir pôr fim ao bloqueio.

O analista Dmitry Trenin afirma que esse “ultimato levanta não só a questão da gestão dessas empresas, situadas nos territórios de Donetsk e Luhansk, mas também da sua jurisdição. Por isso, em certa medida, a questão que se põe é acerca de quem terá os direitos de propriedade sobre essas empresas”.

Em Kiev, o primeiro-ministro Volodymyr Groysman avançou com medidas de urgência face ao risco de cortes de eletricidade, devido à escassez de carvão e o presidente Petro Poroshenko disse que poderá haver um impacto negativo de dois mil milhões de dólares nas exportações ucranianas.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ataque russo com mísseis faz seis mortos em subúrbio de Kharkiv

Civis eslovacos já doaram mais de 4 milhões de euros à Ucrânia para aquisição de munições

Controversa lei de mobilização entra em vigor na Ucrânia