Takata declara falência

Takata declara falência
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied
PUBLICIDADE

O fabricante japonês Takata declarou bancarrota face às perdas multimilionárias derivadas dos seus airbags defeituosos, que obrigaram a maior recolha de produtos de sempre na indústria automóvel.

Em comunicado, a empresa nipónica precisou ter concluído um acordo para vender a totalidade das atividades à norte-americana Key Safety Systems (KSS), controlada pela chinesa Ningbo Joyson Electronic, pour um montante equivalente a 1.400 milhões de euros.

A Takata, com mais de 80 anos de atividade, não sobrevive assim ao enorme escândalo dos airbags defeituosos, que terão equipado 19 construtores automóveis e serão responsáveis por pelo menos 16 mortes em todo o mundo, que obrigaram a recolher cerca de 100 milhões de unidades.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Takata declara-se culpada no caso dos airbags mortais

Defeitos nos 'airbags' mergulham Takata em prejuízos

Tribunal de Sapporo declara que negar casamento entre pessoas do mesmo sexo é inconstitucional