This content is not available in your region

Apresentadores "vexados" por Trump questionam saúde mental do Presidente

Access to the comments Comentários
De  Pedro Sacadura  com REUTERS
Apresentadores "vexados" por Trump questionam saúde mental do Presidente

A Casa Branca diz que Donald Trump combate “fogo com fogo”, mas as ofensas do Presidente a dois apresentadores de um programa de talk-show já levaram os mesmos a questionar a saúde mental do impulsivo chefe de Estado.

“É inacreditavelmente alarmante que este Presidente seja tão fácil de provocar. Deixa-se provocar facilmente por um apresentador. Que mensagem é que isso passa para os nossos aliados? Que mensagem é que passa para os nossos inimigos?”, questionou a apresentadora Mika Brzezinski.

O co-apresentador Joe Scarborough acrescentou: “Quero apenas referir que uma figura de peso da campanha de Trump no verão passado me disse: Estamos todos muito preocupados com o estado mental dele.”

Trump voltou a protagonizar mais uma polémica depois dos apresentadores do programa “Morning Joe”, da MSNBC, tecerem alguns comentários sobre o Presidente.

O Twitter voltou a ser o fiel aliado de Trump que esta quinta-feira não esteve para gentilezas e escreveu que a apresentadora era maluca, tinha um QI baixo e gozou com uma eventual cirurgia estética. Ao co-apresentador chamou de psicopata.

Num prenúncio de duelos futuros, a porta-voz adjunta da Casa Branca, Sarah Huckabee Sanders, disse à FOX News que com “certeza que o Presidente não se vai deixar ser atacado.”

Mika Brzezinski, que foi a mais visada pela ofensiva de Trump, contra-atacou o Presidente com uma imagem da caixa de cereais Cheerios. Nas redes sociais, a publicação está a ser interpretada como uma referência às mãos pequenas de Donald Trump, que são ridicularizadas com frequência.