Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Moscovo assinala Dia da Marinha entre força e tradição

Moscovo assinala Dia da Marinha entre força e tradição
Tamanho do texto Aa Aa

A Rússia assinalou este domingo o Dia da Marinha com uma parada militar em São Petersburgo. O evento contou com a presença do Presidente Vladimir Putin.

A segunda cidade mais importante da Federação foi palco de toda uma demonstração de força. As autoridades russas, disseram, no entanto, que o objetivo era voltar à tradição e não apenas mostrar o poder militar do país.

Tradição que, segundo Moscovo, começou em 1714 com Pedro, O Grande. A cerimónia teve lugar nas margens do Rio Neva e no Porto de Kronstadt, uma pequena cidade na região de São Petersburgo.




Segundo a agência noticiosa Estatal russa TASS, cerca de cinco mil marinheiros estiveram presentes, vindos das frotas do Mar Báltico, do Mar Negro e do Mar Cáspio.

Fizeram parte da parada 50 navios e submarinos, enquanto 40 aviões e helicópteros sobrevoavam a cidade. Um dos submarinos presentes é o maior submarino nuclear do mundo, o Dmitry Donskoy.