Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

A Áustria virou à direita na eleição deste domingo

A Áustria virou à direita na eleição deste domingo
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A Áustria virou à direita na eleição legislativa deste domingo, com a vitória dos conservadores do OVP, liderados pelo jovem Sebastien Kurz.

“Foi com um forte aplauso que foi recebido o resultado da eleição aqui na sede do Partido do Povo. As cores do novo governo ainda não são conhecidas, mas, uma coisa é certa: o vencedor da eleição é o OVP”, refere o enviado da Euronews a Viena, Bozsik Dániel.

“Estou muito contente com o resultado. Alcançámos o que queríamos, ou seja, temos o maior número de votos. Sim, penso que é tempo de mudança e os eleitores queriam isso”, diz uma eleitora.

O SPO, o Partido Social Democrata, do chanceler Christian Kern, foi neste escrutínio relegado para o segundo lugar, com 26,9% dos votos.

Uma jovem garante que vão ser “uma oposição forte e lutar contra a viragem à direita a que se assiste na Áustria”.

A terceira força política é o ultranacionalista Partido da Liberdade (FPO) com praticamente o mesmo resultado dos sociais democratas. Os apoiantes sonhavam com um resultado ainda mais expressivo, como refere uma eleitora:
“Para mim é um resultado dececionante. Eu tinha contado com 30% de votos para o FPO, ou, pelo menos, um segundo lugar”.

Com um segundo lugar, todos os analistas apontam o eurocético FPO como parceiro mais provável da coligação que os conservadores vão ter que procurar, para formarem o próximo governo.

O presidente Van der Bellen já confirmou que vai encarregar Sebastien Kurz de formar o governo.