Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.

Última hora

Última hora

Dezenas de milhares protestam em Paris contra reformas de Macron

Dezenas de milhares protestam em Paris contra reformas de Macron
Tamanho do texto Aa Aa

Há escassos dias, o centro de Paris era quase um campo de batalha. Desta vez, os protestos convocados pelo partido "França Insubmissa" contra o rumo político que o presidente Emmanuel Macron está a dar ao país foram mais pacíficos e primaram pela sátira.

Passou um ano de mandato. Entre as dezenas de milhares de participantes, havia quem viesse realçar que é preciso "resistir, mostrar a revolta que os franceses sentem. Há muitos que não votaram em Macron e que não concordam com os seus projetos".

Outra manifestante dizia que é uma oportunidade para os que não costumam ter voz se manifestarem e lutarem pelos seus direitos.

"A França não está à venda", relembravam as faixas que desfilavam, sempre sob o olhar muito atento das autoridades. O ritmo dos protestos - que se estenderam a várias outras cidades, como Toulouse, Bordéus ou Lyon - promete não abrandar.