Protestos em Portland enfrentam extrema-direita e anti-fascistas

Protestos em Portland enfrentam extrema-direita e anti-fascistas
De  Euronews com REUTERS
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Militantes da esquerda contestam candidatura de Joey Gibson, considerado da ala conservadora do Partido Republicano, ao Senado, pelo estado de Washington.

PUBLICIDADE

A polícia de Portland, estado norte-americano de Oregon, foi chamada a intervir por causa dos confrontos entre manifestantes considerados de extrama-difeita e militantes definidos como anti-fascistas, no centro da cidade.

Os agentes tentaram separar os grupos, que começaram por cantar palavras de ordem, passando depois aos insultos e a cuspirem-se mutuamente.

Entre os manifestantes da direita encontravam-se membros da organização Patriot Prayer.

O grupo foi fundado por Joey Gibson, Republicano considerado da ala conservadora, que se apresenta ao cargo de Senador pelo estado de Washington nas eleições intercalares de novembro. 

 Do outro lado da barricada, manifestantes gritaram palavras de ordem contra o nazismo, muitos com a cara coberta por máscaras ou panos negros.

No final de junho, pelo menos quatro pessoas ficaram feridas em confrontos semelhantes, incluindo um agente da polícia, também em Portland.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Portland: comunidade angaria fundos para vítimas de ataque

Ainda sem vitórias, extrema direita ganha terreno na Europa

EUA: quatro feridos em tiroteio em liceu de Portland