Última hora

Última hora

Vírus do Nilo Ocidental continua a matar na Grécia

Em leitura:

Vírus do Nilo Ocidental continua a matar na Grécia

Vírus do Nilo Ocidental continua a matar na Grécia
Tamanho do texto Aa Aa

O vírus do Nilo Ocidental já matou 17 pessoas na Grécia. A Associação Médica de Atenas está a pressionar as autoridades para alinhavarem um plano de ação de emergência para lidar com o que dizem ser uma ameaça crescente para a saúde pública.

Houve uma grande epidemia na Roménia em 1996 e desde então há casos em países europeus. Nos últimos 10 anos, houve casos quase todos os Verões, na Europa Central e do Sul.

A Euronews falou com a diretora do Departamento de Doenças Infecciosas do Centro Grego de Controlo e Prevenção de Doença, Danae Pervanidou: "Este ano tivemos mais casos que aconteceram muito mais cedo, comparando com anos anteriores, e este é um fenómeno que está a acontecer noutros países europeus também. Tivemos um início precoce e um elevado aumento dos casos".

Em Portugal, o último caso humano de infeção pelo vírus do Nilo Ocidental confirmado pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge data de 2015.