A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Ataque com gás tóxico na Síria

Ataque com gás tóxico na Síria
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Dificuldades respiratórias, inflamação ocular, arrepios e desmaios. Os sintomas de intoxicação por suspeitas de um ataque com gás tóxico numa zona residencial de Alepo obrigaram mais de cem civis a receber apoio médico.

O Governo sírio apontou o dedo aos rebeldes por envolvimento no ataque mas os insurgentes negam o recurso a armas químicas e qualquer implicação.

Moscovo, um importante aliado de Damasco, falou no uso de gás cloro. Este domingo, a aviação russa bombardeou posições controladas por rebeldes e jihadistas.