Última hora

Última hora

Iémen: Troca de prisioneiros dá início às negociações de paz

Em leitura:

Iémen: Troca de prisioneiros dá início às negociações de paz

Iémen: Troca de prisioneiros dá início às negociações de paz
@ Copyright :
رويترز
Tamanho do texto Aa Aa

O Governo do Iémen e os rebeldes Huthis chegaram a acordo, esta quinta-feira, para a troca de milhares de prisioneiros, dando assim início às conversações de paz, que decorrem na Suécia, sob a égide das Nações Unidas.

O enviado da ONU acredita que está dado o primeiro passo para colocar um fim a quase quatro anos de guerra civil que devastou o país e deram início a uma crise humana.

"Todos expressaram o compromisso com uma solução política. Os próximos dias serão marcos importantes, é um evento significativo. Não desistam! Não deixemos que nenhum de nós desista, apesar dos desafios que possamos enfrentar. Vamos trabalhar com boa vontade, boa-fé, com energia, compromisso e convicção. Estou certo de que vamos entregar uma mensagem de paz ao povo do Iémen", afirma o enviado da ONU para o Iémen, Martin Griffiths.

Não há números oficiais, mas desde o início da guerra civil no Iémen, em 2015, estima-se que mais de 10 mil pessoas tenham morrido.

Em outubro, a Organização Mundial de Saúde alertou que são registados, todas as semanas, cerca de 10 mil novos casos suspeitos de cólera.

A Organização das Nações Unidas acredita que, caso o conflito persista, mais de 13 milhões de civis correm o risco de morrer de fome.