Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Equador garante que Julian Assange pode abandonar embaixada

Equador garante que Julian Assange pode abandonar embaixada
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Julian Assange pode abandonar a embaixada do Equador, em Londres, onde está exilado desde 2012.

O presidente do Equador, Lenin Moreno, assegurou que o Reino Unido deu garantias suficientes de que o fundador da WikiLeaks não seria extraditado para países onde se aplique a pena de morte.

Assange já se pronunciou, afirmando que o Equador quer colocar fim ao seu asilo e entregá-lo aos Estados Unidos da América.

Washington pretende julgar o ativista australiano acusando-o de ter divulgado milhares de documentos militares classificados.