Euronews is no longer accessible on Internet Explorer. This browser is not updated by Microsoft and does not support the last technical evolutions. We encourage you to use another browser, such as Edge, Safari, Google Chrome or Mozilla Firefox.
Última hora

Alemanha reforça lei da segurança informática

Alemanha reforça lei da segurança informática
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

No dia em que a polícia anunciou a detenção de um jovem de 20 anos, que confessou ser o autor do ciberataque de que foram vítimas diversas personalidades na Alemanha, o ministro alemão do Interior, anunciou, por seu lado, uma nova legislação de proteção informática.

Numa conferência de imprensa em Berlim, Horst Seehofer disse que o diploma está quase pronto e a lei é para este ano.

Apresentaremos uma Lei de Segurança Informática 2.0 antes do final do primeiro semestre de 2019 - este projeto de lei está em grande parte concluído. Já apresentámos e discutimos o assunto com os especialistas dos dois partidos do governo no ano passado".

A Alemanha foi surpreendida pela divulgação na rede Twitter de dados pessoais e profissionais de um milhar de personalidades. Foi preciso um mês para chegar ao jovem nerd, que terá agido por simples irritação com as personalidades que visou.

Para os alemães, uma nova lei não parece ser suficiente, como refere a repórter da Euronews Emmanuelle Chaze: "O facto de a Alemanha estar a trabalhar numa nova lei de segurança na Internet não tranquiliza os afetados, pois o ministro do Interior, Horst Seehofer, deixou claro que oferecerá mais segurança online, mas nunca poderá prometer segurança total ".