Última hora

Karadzic enfrenta veredicto final

Karadzic enfrenta veredicto final
Direitos de autor
Reuters
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Radovan Karadzic, condenado em primeira instância a 40 anos de prisão pelo seu papel durante a guerra civil (1992-95), enfrenta o veredicto final do Tribunal de Haia.

Karadzic apelou contra a condenação por genocídio e outras atrocidades durante as guerras nos Balcãs dos anos 90.

Os crimes de Karadzic estão relacionados com o massacre de Srebrenica, em 1995, de mais de 8.000 homens e crianças muçulmanos pelas forças de sérvios bósnios, a pior atrocidade na Europa desde a Segunda Guerra Mundial.

Karadzic também foi considerado culpado de orquestrar o cerco de quase quatro anos a Sarajevo, no qual cerca de 10.000 pessoas morreram vítimas de bombardeamentos e atiradores de elite.

A sentença emitida pelo Mecanismo para os tribunais penais internacionais (MPTI), que sucedeu ao Tribunal Penal Internacional para a ex-Jugoslávia (TPIJ), encerra a mais importante batalha legal da guerra civil que viu o colapso da antiga Jugoslávia.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.