A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Julien Assange acusado pelos EUA de 18 crimes

Julien Assange acusado pelos EUA de 18 crimes
Direitos de autor
REUTERS/Peter Nicholls
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

A resistência de Julien Assange poderá ter os dias contados. Contra o fundador do Wikileaks pendem agora 18 acusações de crime por parte dos Estados Unidos.

De acordo com o grande júri do Estado da Virgínia, Assange é acusado de espionagem e publicação de documentos confidenciais e enfrenta uma pena que pode chegar aos 170 anos.

Entre as acusações está a de conspiração com a ex-soldado Chelsea Manning, que em 2010 forneceu ao portal mais de 700 mil documentos secretos.

Para o Wikileaks o caso consiste numa violação da primeira emenda, o artigo da constituição que protege a liberdade de imprensa e expressão.

No entanto, a procuradoria alega que Julien Assange não é jornalista.

Assange estava exilado na embaixada do Equador no Reino Unido desde 2012 até ao país ter posto fim ao asilo em abril deste ano.