A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.
Última hora

Dorian devastou as Bahamas e segue para a Flórida

Dorian devastou as Bahamas e segue para a Flórida
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

O furacão Dorian, que retrocedeu para a categoria 4 da escala de Saphir Simpson, mas continua extremamente perigoso, provocou uma enorme devastação nas Bahamas, onde fez uma progressão muito lenta, aumentando consideravelmente o impacto sobre o território.

É ainda cedo para avaliar, mas calcula-se que tenha destruído cerca de 13 mil casas, neste arquipélago. Há imagens impressionantes nas redes sociais de ondas gigantes e carros abalroados pelo vento e pelas chuva.s

O furacão dirige-se para a costa dos Estados Unidos, prevendo-se que atinja a Flórida, a Carolina do Sul e a Geórgia, onde há ordens de evacuação para as populações costeiras.

O governador da Flórida, Ron Desantis, alerta: "A nossa costa leste certamente ainda estará dentro do cone e as pessoas precisam de permanecer vigilantes. Se receberem ordem para evacuar, têm de o fazer. É importante que os moradores cumpram essas indicações. Saiam enquanto há tempo, enquanto há combustível disponível e as estradas estão seguras".

O estado de emergência foi declarado na Carolina do Sul.

O Dorian deverá atingir a Flórida na noite de segunda para terça-feira, com ventos - estimados - superiores a 200 quilómetros por hora, segundo o Centro Nacional dos Furacões dos Estados Unidos.