Rússia acusa EUA de abandonar curdos na Síria

Rússia acusa EUA de abandonar curdos na Síria
De  Bruno Sousa
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Acusação surge na sequência do acordo entre Moscovo e Ancara para patrulha conjunta da fronteira turco-síria

PUBLICIDADE

A Rússia acusa os Estados Unidos de trair e abandonar os curdos da Síria e convidou os curdos a retirar-se da fronteira com a Turquia. A acusação foi feita pelo porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, e surge na sequência do acordo entre Moscovo e Ancara que levará as tropas russas a juntarem-se às turcas na patrulha da fronteira com a Síria e no combate às Unidades de Proteção Popular do Curdistão, consideradas por Ancara como um grupo terrorista.

O acordo foi alcançado após uma longa reunião entre Vladimir Putin e Recep Tayyip Erdoğan, além da patrulha conjunta da fronteira, Rússia e Turquia estão ainda em negociações para a entrega de uma remessa extra de mísseis russos S-400 a Ancara.

Os Estados Unidos até já vieram elogiar o estabelecimento de uma zona de segurança, mas a posição desafia diretamente o apelo feito pelas instâncias europeias.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Centenas manifestam-se na Turquia contra ofensiva em Idlib

Turquia retoma ofensiva na fronteira com a Síria

UE e Ucrânia estudam tribunal especial para Putin e oficiais de guerra