Última hora

Manuscrito dos Jogos Olímpicos modernos vai a leilão

Manuscrito dos Jogos Olímpicos modernos vai a leilão
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Catorze páginas bastaram para um francês trazer ao mundo moderno um dos grandes legados da Antiguidade grega. Em 1892, Pierre de Coubertin escreveu o documento que reavivou a tradição dos Jogos Olímpicos. Um manuscrito de um discruso que vai agora a leilão, em Nova Iorque.

Para Thomas Bompard, presidente da Sotheby`s da Costa Oeste,"isto é muito comovente, porque ele teve esta ideia de ressuscitar os Jogos Olímpicos apenas porque - e esse era o principal objetivo - queria que os jovens franceses tivessem acesso à prática regular de desporto.

Dois anos após ter feito o discurso, Coubertin fundou o Comité Internacional dos Jogos Olímpicos e em 1896 tinha lugar a primeira prova moderna, em Atenas. O documento de base será leiloado a 18 de dezembro e poderá ser arrematado por um milhão de dólares, quase 900 mil euros.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.