Última hora
This content is not available in your region

Boris Johnson quer concluir separação da UE até final de 2020

Boris Johnson quer concluir separação da UE até final de 2020
Direitos de autor
ASSOCIATED PRESS
Tamanho do texto Aa Aa

Apenas reeleito, Boris Johnson deita mãos à obra. No dia em que o parlamento recomeça a nova legislatura, o primeiro-ministro reuniu o seu conselho de ministros. Johnson está mais determinado do que nunca a impedir a extensão do período de transição do Brexit.

Galvanizado pela vitória incontestável, afirmou: "Os eleitores deste país mudaram este governo e o nosso partido para melhor. E devemos retribuir a sua confiança agora, trabalhando para mudar o nosso país para melhor. E não devemos ter absolutamente nenhum problema em dizer que somos um governo popular. Isto é um governo do povo. E vamos trabalhar para cumprir as prioridades do povo britânico".

As prioridades são, para o chefe do governo, cumprir o Brexit, custe o que custe até ao final de 2020. Foi essa mensagem que passou para Bruxelas, numa conversa telefónica com a presidente da comissão, Ursula von der Leyen e tenciona apresentar uma proposta de lei que impeça o parlamento de ditar extensões do prazo do período de transição.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.