Última hora
This content is not available in your region

Entrega de prémios no PinchukArtCentre

euronews_icons_loading
Entrega de prémios no PinchukArtCentre
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Altura de prémios no PinchukArtCentre que apresenta uma exposição de 20 artistas selecionados. Nesta sexta edição da entrega de prémios, o centro de arte contemporânea reúne uma seleção representativa de artistas e coletivos de artistas de toda a Ucrânia.

Na visão e na óptica da nova geração - e esta seleção reflete uma nova geração que vai moldar a Ucrânia e a arte nos próximos cinco anos - o conflito na Ucrânia, que faz parte da vida política, influencia fortemente as opiniões, as abordagens e os discursos dos nossos artistas.
Alexandra Tryanova
Co-curadora

Daniil Revkovskiy e Andriy Rachinskiy, de Kharkiv, no leste da Ucrânia, falam sobre os gangues e sobre os violentos conflitos nas ruas que envolvem adoslescentes.

Reproduziram a sede de um destes gangues e elevaram-na ao estatuto de arte no PinchukArtCentre.

O conflito no leste da Ucrânia teve uma influência sombria nos artistas... E nós fomos formados enquanto artistas, no início de 2015 - altura em que começámos a fazer exposições sobre a guerra em Donbass, sobre situações políticas, económicas e ecológicas nesta região da Ucrânia.
Daniil Revkovskiy e Andriy Rachinskiy
Artistas

Desenhos, vídeos ou esculturas compõem esta exposição. Dmytro Starusiev mora perto de Donetsk, no leste da Ucrânia, e criou uma instalação minimalista relacionada com a ideia de regresso às cavernas.

Acho que ainda nos estamos a descobrir e todos os nomeados aos prémios tentam criar uma nova linguagem - assim como eu. Tentamos trabalhar no contexto local, queremos perceber a guerra e a situação política, mas acho que ainda não temos palavras suficientes.
Dmytro Starusiev
Artista

Os 20 artistas estão unidos pela história do país, numa reflexão sobre problemas sociais e políticos.

Os vencedores dos Prémios do PinchukArtCentre vão ser anunciados numa cerimónia em março e a exposição pode ser vista até ao mês de maio.