Última hora
This content is not available in your region

Sucesso para a missão da SpaceX

euronews_icons_loading
Fica para a história o momento em que os austronautas da cápsula Dragon-Endeavour entram na EEI
Fica para a história o momento em que os austronautas da cápsula Dragon-Endeavour entram na EEI   -   Direitos de autor  NASA via AP
Tamanho do texto Aa Aa

Bob Behnken e Doug Hurley estão finalmente a bordo da Estação Espacial Internacional (EEI ). O momento em que a escotilha se abriu foi transmitido em direto pela NASA.

À espera estavam Chris Cassidy, também da agência espacial norte-americana, e dois cosmonautas russos Anatoly Ivanishin e Ivan Vagner.

A cápsula Dragon-Endeavour chegou à hora prevista junto da estação - 19 horas depois de ter saído de Cabo Canaveral, nos Estados Unidos. Acoplou sem problemas, mas foi preciso esperar quase três horas para que a pressão normalizasse e os dois astronautas pudessem entrar.

A NASA ainda não decidiu quanto tempo os astronautas vão permanecer na estação internacional.

A SpaceX entrou com esta missão para a história da exploração do espaço. É a primeira empresa privada a desenvolver uma nave espacial para transporte de astronautas.

O presidente da SpaceX, o empresário Elon Musk, já disse esperar que este "seja o primeiro passo numa viagem da civilização até Marte".

Entre 2011 e hoje, os astronautas norte-americanos tinham acesso à EEI através de lançamentos da cápsula Soyuz, a partir da base russa de Baikonur, localizada no Cazaquistão.

Depois da entrada em órbita, a cápsula Dragon foi batizada também de Endeavour, em homenagem ao vaivém no qual estes dois astronautas fizeram a primeira viagem ao espaço.

A Estação Espacial Internacional, utilizada como laboratório de investigação, começou a ser construída em 1998, e é um projeto que conta com a colaboração das agências espaciais norte-americana (NASA), russa (Roscosmos), europeia (ESA), japonesa (JAXA) e canadiana (CSA).