Última hora
This content is not available in your region

Giuseppe Conte quer "acelerar investimento com maior controlo"

euronews_icons_loading
Giuseppe Conte quer "acelerar investimento com maior controlo"
Direitos de autor  LaPresse/Pool photo via AP
Tamanho do texto Aa Aa

O primeiro-ministro italiano Giuseppe Conte garante que os fundos europeus de recuperação económica vão ser usados de forma racional para resuscitar um país a viver as consequências de um apertado confinamento.

O líder da terceira maior economia da Europa afirmou que a fatia italiana dos 750 mil milhões de euros servirá para solucionar problemas crónicos no país.

"É uma oportunidade para nós planearmos uma Itália melhor, para trabalharmos num plano de investimento sério e detalhado que vai tornar o país mais moderno, verde e mais socialmente inclusivo", explicou.

A Itália foi a primeira nação europeia a ser duramente atingida pela pandemia de coronavírus e está a sentir os efeitos económicos do confinamento imposto Março contra uma doença que fez quase 34500 mortos.

"A nossa lógica é facilitar a capacidade de despesa e acelerar a despesa nos investimentos mas ao mesmo tempo intensificar controlos e tornar tudo mais rigoroso", sublinhou.

Estima-se que a economia italiana recue pelo menos 8,3 % este ano. Conte convidou a sociedade a contribuír com ideias para a recuperação económica de Itália com o levantamento de barreiras estruturais e de burocráticas.

"Digo muitas vezes que isto não é um "pequeno jackpot" em benefício do nosso governo, é um investimento que temos que fazer em Itália e na Europa para os nossos filhos e netos", concluiu.