EventsEventos
Loader

Find Us

FlipboardLinkedin
Apple storeGoogle Play store
PUBLICIDADE

Génova assinala dois anos da queda da ponte Morandi

Génova assinala dois anos da queda da ponte Morandi
Direitos de autor RAI
Direitos de autor RAI
De  Patricia Tavares
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Fez-se um minuto de silêncio emotivo, com a presença do primeiro-ministro italiano, no exato momento da queda da ponte, no dia 14 de agosto de 2018.

PUBLICIDADE

Fez-se minuto de silêncio emotivo no exato momento da queda da ponte Morandi, em Génova, no dia 14 de agosto de 2018. Há dois anos a estrutura com 51 anos cedia repentinamente, depois de uma violenta tempestade, fazendo 43 vítimas mortais.

Estamos a trabalhar com os administradores locais e com toda a comunidade, para que Génova possa renascer. São estas as premissas. E continuaremos a trabalhar agora. Com o novo plano de recuperação nacional, iremos certamente dedicar uma atenção particular a Génova.
Giuseppe Conte
Primeiro-ministro de Itália

A cerimónia de homenagem teve lugar na nova ponte San Giorgio, projetada pelo famoso arquiteto Renzo Piano. Muitas das famílias das vítimas não compareceram na dia da inauguração - dizendo que ofuscou a tragédia de 2018 e ainda pedem justiça.

É necessário que o país consiga sair do abismo em que está a sua credibilidade. É necessário responsabilizar o sistema "falhado" que permitiu o colapso de uma ponte em Itália, em 2018.
Egle Possetti
Associação das famílias das vítimas

O incidente chamou a atenção para estrad as, pontes e ferrovias em decadência no país. A ponte é fundamental para os residentes de Génova, ligando-os à Riviera Francesa e a Milão.

A nova construção tem quatro robôs de manutenção ao longo de toda a extensão do tabuleiro da ponte, para detetar qualquer anomalia ou erosão nos materiais.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Museu italiano recria floresta de borboletas da Tanzânia

Chuvas torrenciais provocam inundações e caos no norte de Itália

Centenas de residentes em Veneza manifestam-se contra “taxa de entrada” para turistas