Última hora
This content is not available in your region

França prevê endurecer medidas de combate à Covid-19

euronews_icons_loading
França prevê endurecer medidas de combate à Covid-19
Direitos de autor  Francois Mori/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

França deve tomar aquilo a que chama "decisões difíceis" relativamente à crise da Covid-19.

O Presidente do Conselho Científico que trabalha junto do governo de Paris para gerir a crise sanitária, descreveu a progressão da epidemia no país como "preocupante". O Presidente Macron promete tomar as novas medidas necessárias.

As autoridades sanitárias comunicaram quase 10.000 novos casos na quinta-feira, um número sem precedentes desde o início da epidemia em França.

O país tem uma taxa média de reprodução do vírus de 1,29.

Euronews
Regiões de França com maior taxa de reprodução do vírusEuronews

O que significa que cada pessoa infetada com o coronavírus está a contaminar, em média, mais do que uma pessoa.

O regresso à escola resultou num maior número de infeções registadas, mas o número de testes de vírus também aumentou.

Nas últimas duas semanas, França registou 130 casos positivos por cada 100.000 testes, um dos rácios mais elevados da Europa, bastante acima do Reino Unido, Portugal ou Bélgica, mas metade do número de Espanha, que tem 260 infetados por cada 100 mil testes.

Euronews
Espanha tem o maior número de infeções por 100 mil habitantes na Europa, Segue-se França.Euronews

Os peritos receiam que o sistema de saúde possa, em breve, ficar outra vez sob pressão, por isso que estão a ser feitos esforços para abrandar a circulação do vírus.

Entre as medidas adicionais que estão a ser consideradas no conselho desta sexta-feira está a possibilidade de restringir os ajuntamentos, incluindo privados, tal como já acontece no Reino Unido.