Última hora
This content is not available in your region

Bielorrússia encerra fronteiras com a Polónia e Lituânia

Access to the comments Comentários
De  Joao Duarte Ferreira
euronews_icons_loading
Bielorrússia encerra fronteiras com a Polónia e Lituânia
Direitos de autor  SERGEI GAPON/AFP
Tamanho do texto Aa Aa

O presidente da Bielorrússia ordenou o encerramento das fronteiras com a Polónia e a Lituânia e colocou as forças armadas do país em estado de alerta.

Após seis semanas de protestos, Alexander Lukashenko enfrenta críticas crescentes por parte da União Europeia e dos Estados Unidos.

O primeiro-ministro polaco Mateusz Morawiecki disse esta sexta-feira durante uma visita à Lituânia que os dois países, ambos vizinhos da Bielorrússia, vão continuar a oferecer assistência médica e material aos bielorrussos perseguidos durante os protestos.

Na quinta-feira, a principal candidata da oposição anunciou que os ativistas estariam a compilar uma lista de agentes da autoridade alegadamente envolvidos na vioência contra os manifestantes.

Desde as eleições presidenciais no início de agosto que cerca de sete mil pessoas foram detidas e centenas agredidas pelas forças da autoridade.