Última hora
This content is not available in your region

Itália regista recorde diário de mortes pela Covid-19

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Itália regista recorde diário de mortes pela Covid-19
Direitos de autor  Riccardo De Luca/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

"Um dia sombrio para a Itália": foi desta forma que meios de comunicação do país destacaram o nefasto recorde registado esta quinta-feira, de 9993 mortos no espaço de 24 horas devido à Covid-19.

Um número que ultrapassou o recorde de 969 vítimas mortais registado a 27 de março, na primeira vaga da pandemia.

Giuseppe Conte, primeiro-ministro italiano:"Numa democracia liberal não podemos entrar na casa das pessoas e impôr limitações estritas. É por isso que apenas podemos fazer uma forte recomendação. Pedimos a todos e recomendamos que não recebam pessoas que não têm a viver em casa, especialmente neste período, que tradicionalmente é convivial."

No Reino Unido, o balanço oficial do governo ultrapassou as 60.000 vítimas mortais. Um valor atingido apenas três semanas depois do país ter ultrapassado os 50.000 mortos devido à pandemia. Estes números têm em conta as pessoas que morreram no espaço de 28 dias depois de testarem positivo à Covid-19.

A Suécia, até à pouco conhecida pela política pouco restritiva, anunciou o fecho temporário de estabelecimentos de ensino e a implementação da aprendizagem à distância, face à degradação da situação epidemiológica, com uma segunda vaga que já reclamou 7000 vidas.

Depois de ter estado mais de um mês no topo da escala de risco extremo face ao coronavírus, a Espanha assiste a uma nítida melhoria da situação, com a taxa de incidência a cair para as 240 infeções por 100.000 habitantes pela primeira vez desde setembro.