Última hora
This content is not available in your region

Salvini enfrenta julgamento no caso "Open Arms"

euronews_icons_loading
Salvini enfrenta julgamento no caso "Open Arms"
Direitos de autor  Laszlo Balogh/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

O antigo ministro do Interior italiano, Matteo Salvini, irá a julgamento.

A decisão foi anunciada no sábado após uma audiência preliminar levada a cabo por um juíz italiano na Sicília.

O caso remonta a 2019 e envolve a embarcação de resgate espanhola "Open Arms" que levava a bordo 147 migrantes e se viu impedida de atracar em portos italianos durante 19 dias.

Salvini afirma que estava apenas a fazer o seu trabalho.

"É por isso que não quero passar por sequestrador, não, essa ideia é ridícula. É preciso recordar que estamos a falar de uma embarcação espanhola que recolheu migrantes em águas da Líbia, em águas de Malta, recusou-se a atracar em Espanha por duas vezes e recusou o apoio da marinha espanhola. Estamos a falar de quê exatamente?", defende-se Matteo Salvini, secretário-geral da Liga Norte.

Procuradores em Palermo acusaram Salvini de incumprimento do dever e de sequestro por ter mantido os migrantes ao largo da ilha italiana de Lampedusa durante vários dias em Agosto de 2019.

Durante o impasse, vários migrantes lançaram-se ao mar em desespero.

Finalmente, após 19 dias, os restantes 83 migrantes ainda a bordo foram autorizados a desembarcar na ilha de Lampedusa.