Nova onda de Covid preocupa governos

Nova onda de Covid preocupa governos
Direitos de autor Kristopher Radder/AP
De  Ricardo Figueira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Rússia e Alemanha atingem novos recordes. Algumas regiões da Áustria impõem confinamento aos não-vacinados.

PUBLICIDADE

Os números da Covid na Alemanha atingem novos recordes e o país prepara-se para uma quarta onda do vírus. No dia em que os novos casos da doença ultrapassaram os 50 mil, o Bundestag discutiu a melhor estratégia para lidar com o vírus. O provável futuro chanceler, Olaf Scholz, quer acelerar o processo de vacinas: "Os centros devem reabrir por todo o país e temos de encorajar mais pessoas a vacinar-se, para conter esta subida preocupante no número de infeções", disse.

No norte da Áustria, voltou o confinamento, mas só para os não-vacinados. Esta é a zona do país com mais novas infeções e menos pessoas inoculadas. Quem não tem o processo completo só pode sair para atividades essenciais... quem já tem, volta a ter de usar máscara na maioria das situações.

Na Rússia, onde o número de novas mortes por Covid ultrapassou as 1200 esta quinta-feira, as autoridades apostam na prevenção e vão ao encontro das pessoas em locais como o metro de Moscovo, onde foram disponibilizados testes gratuitos. Só quatro em cada dez russos estão vacinados contra a Covid.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Covid-19 agrava cremações na Ucrânia

Reino Unido quer proibir venda de "vapes" descartáveis

Cabo Verde oficialmente livre de malária