EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Ursula von der Leyen e Josep Borrell testemunham tragédia de Bucha

Bucha na Ucrânia foi palco de massacres de civis
Bucha na Ucrânia foi palco de massacres de civis Direitos de autor أ ب
Direitos de autor أ ب
De  euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Presidente da Comissão Europeia e chefe da diplomacia dos "27" visitam a vala comum descoberta na cidade ucraniana destruída pela invasão ordenada pelo Kremlin

PUBLICIDADE

As imagens deram volta ao mundo e agora a Presidente da Comissão Europeia e o Alto Representante dos "27" puderam ver pelos próprios olhos a destruição e a tragédia deixada pelas forças do Kemlin em Bucha, a cidade nos arredores de Kiev que esteve ocupada durante semanas pelas tropas russas.

"Aqui em Bucha vimos a nossa Humanidade ser despedaçada", disse Ursula von der Leyen, durante a visita a uma vala comum na cidade ucraniana, acompanhada por Josep Borrell e Volodymyr Zelenskyy, o Presidente da Ucrânia.

O impensável aconteceu aqui. Vimos a face cruel do exército de Putin, a imprudência e a frieza de coração com que ocuparam a cidade. Aqui, em Bucha, vimos a nossa humanidade despedaçada.
URSULA VON DER LEYEN
Presidente da Comissão Europeia

As forças russas são acusadas de crimes contra a Humanidade pelas atrocidades em Bucha e noutras cidades ucranianas como Mariupol ou Borodyanka. "O mundo inteiro está de luto pelo povo de Bucha", afirmou Von der Leyen.

A Presidente da Comissão Europeia pretendeu fazer chegar uma "mensagem forte" ao povo ucraniano, garantindo estar a a acompanhar a situação e prometeu apoio.

Von der Leyen assegurou que a democracia vai prevalecer e anunciou mais 500 milhões de euros em ajuda militar à Ucrânia.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Borrell pede reforço da Defesa da União Europeia após gastos recorde

Pelo menos seis feridos após ataque aéreo russo em zona residencial de Kharkiv

Ataque aéreo a Kharkiv faz pelo menos sete mortos. Zelenskyy condena brutalidade russa