Dois palestinianos mortos a tiro na Cisjordânia

ap
ap Direitos de autor Majdi Mohammed/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Autoridade Palestiniana acusa Israel de deliberadamente tirar a vida aos dois homens

PUBLICIDADE

A Autoridade Palestiniana acusa a polícia israelita de matar a tiro dois palestinianos durante uma operação policial na Cisjordânia, esta segunda-feira.

Os militares israelitas alegam que os dois homens tentaram atropelar vários membros do exército de Israel enquanto decorria uma operação num campo de refugiados de Jalazone, perto da cidade de Ramallah.

Depois da tentativa de atropelamento, os soldados abriram fogo contra o carro. A narrativa é negada pelos vários grupos de direitos humanos pró-autoridades palestiniana, que estão contra a ocupação militar que já dura há 55 anos.

Desde a primavera que Israel tem atacado durante a noite a zona da Cisjordânia. Desde março, já morrerm 19 palestinianos em confrontos com o exército israelita.

De um lado, os palestinianos acusam Israel de usar força excessiva, do outro, Israel diz que segue regras rígidas e vai abrir fogo sempre que estiver em situações de risco de vida.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Forças israelitas matam quatro palestinianos em menos de 48 horas

Israel lança nova ofensiva aérea contra alvos palestinianos

Forças israelitas retiram tropas do sul de Gaza e preparam operação em Rafah