EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Ucrânia ameaça boicotar Jogos Olímpicos em 2024

Anéis olímpicos instalados na praça do Trocadero, Paris, França
Anéis olímpicos instalados na praça do Trocadero, Paris, França Direitos de autor AP Photo//Michel Euler
Direitos de autor AP Photo//Michel Euler
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Kiev está contra a participação de atletas russos e bielorrussos na compateição, tal como já foi defendido pelo Comité Olímpico Internacional.

PUBLICIDADE

A Ucrânia ameaça boicotar os próximos Jogos Olímpicos, agendados para 2024, depois de o Comité Internacional ter revelado, esta quarta-feira estar a tentar encontrar uma forma de incluir atletas russos e bielorrussos na competição, participando, por exemplo, com bandeira neutra.

O presidente do Comité Olímpico ucraniano, recorreu ao Facebook para contestar a medida em cima da mesa. Numa publicação, Vadym Guttsait defendeu que "não pode haver acordos com representantes de países terroristas" e que "enquanto houver uma guerra", a política de sanções aos atletas russos e bielorrussos é para continuar, mesmo que se apresentem "sob uma bandeira neutra ou sob quaisquer condições".

A posição encontrou já aliados entre atletas de outros países. Mantas Knystautas, atleta da Lituânia, é um dos participantes no evento desportivo solidário com Kiev.

"Acho mal, para dizer o mínimo. A maioria dos atletas russos apoia a agressão em curso, a guerra em curso. Eles participam em desfiles, apoiam a guerra nas redes sociais. Não consigo imaginar como um ucraniano, cuja família pode estar ferida ou a sofrer, possa ir lutar contra um russo", afirma.

Mas, para já, o Comité Olímpico Internacional continua a defender que todos os atletas devem ser tratados de forma igual, sem interferências dos governos na participação.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Justiça russa proíbe site informativo Meduza

Rússia: Bolsa de Moscovo suspende comércio de dólares americanos e euros

Pelo menos seis feridos em ataque aéreo russo a zona residencial de Kostiantynivka