EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Rússia volta a atacar Kiev

Bombardeamentos em Kiev
Bombardeamentos em Kiev Direitos de autor Alex Babenko/AP
Direitos de autor Alex Babenko/AP
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O ataque desta manhã seguiu-se a uma noite difícil, em que as sirenes de alarme não pararam de soar. Uma pessoa ficou ferida.

PUBLICIDADE

A Rússia atacou a capital ucraniana na madrugada e manhã desta segunda-feira. De acordo com as autoridades, as explosões foram ouvidas pouco depois de soarem as sirenes. Milhares de habitantes procuraram abrigo nos refúgios da cidade, que foi abalada, pelo menos, por dez explosões. Uma pessoa ficou ferida.

Roman Kozak, residente em Kiev, diz que está "cansado e farto" dos ataques. " Não se consegue dormir descansado à noite porque há sempre qualquer coisa a voar, qualquer coisa a bater algures na rua. Acordamos à noite e andamos. Eu escondo-me no corredor para que não seja tão assustador", lamenta. 

A Rússia afirma ter atacado "campos de aviação" e "destruído" todos os alvos. O ataque desta manhã seguiu-se a uma noite difícil em que as sirenes de alarme não pararam de soar. Foram lançados cerca de 40 mísseis e 35 drones. A Ucrânia garante que abateu a grande maioria. Restos de mísseis espalhados pelas ruas são prova do sucesso do sistema de defesa ucraniano na interceção do ataque.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Kiev passa a noite sob fogo cerrado

Grupo russo pró-Ucrânia reivindica ataque em Belgorod

Stoltenberg pede a membros da NATO que reconsiderem limites no envio de armas para a Ucrânia