EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Bicampeãs entram a ganhar no Mundial de Futebol feminino

Sophia Smith, à esquerda, celebra com Lindsey Horan, à direita, e Megan Rapinoe um dos três golos com que os EUA se estrearam na competição
Sophia Smith, à esquerda, celebra com Lindsey Horan, à direita, e Megan Rapinoe um dos três golos com que os EUA se estrearam na competição Direitos de autor Abbie Parr/AP
Direitos de autor Abbie Parr/AP
De  Euronews com Agências
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button

EUA confirmaram o favoritismo e impuseram-se sem dificuldades à equipa do Vietname

PUBLICIDADE

Os Estados Unidos derrotaram o Vietname por 3-0 no jogo de estreia no Campeonato do Mundo de Futebol Feminino. As duas equipas fazem parte do Grupo E, onde está a seleção portuguesa, que defronta este domingo a equipa dos Países Baixos.

Sophia Smith marcou os dois primeiros golos e Lindsey Horan, co-capitã da equipa com Alex Morgan, selou a 12ª vitória consecutiva das bicampeãs num jogo do Mundial. Smith, que faz 23 anos no próximo mês e está a participar no seu primeiro torneio, é a segunda jogadora mais jovem dos EUA a marcar vários golos num jogo do Campeonato do Mundo.

Abbie Parr/AP
Sophie Smith jogou no estádio de Eden Park, em Auckland, Nova Zelândia, o primeiro jogo de um MundialAbbie Parr/AP

"Adoro jogar com a Lindsey, ela é uma óptima jogadora. Tem um olho tão bom para coisas que muitos jogadores não vêem", disse Smith sobre Horan no final da partida. "Ela compreende o meu jogo. Percebe as jogadas que estou a fazer antes mesmo de eu as fazer."

O Vietname era comparado à Tailândia, a equipa que os americanos golearam por 13-0 no jogo de abertura do Campeonato do Mundo de 2019, mas foi surpreendentemente resistente, mantendo o jogo mais equilibrado do que o esperado, com a guarda-redes Tran Thi Kim Thanh a impedir a tentativa de penálti de Morgan Rapinoe na primeira parte.

Andrew Cornaga/AP
O desalento de Rapinoe depois de ter falhado um penálti frente ao VietnameAndrew Cornaga/AP

Megan Rapinoe, de 38 anos, fez sua 200ª partida pela seleção contra o Vietname. A jogadora marcou um golo na final do Campeonato do Mundo em França, em 2019, e foi eleita a melhor jogadora desse torneio. Desta vez não foi titular  e antes da seleção norte-americana partir para a Nova Zelândia, anunciou que este seria o seu último Campeonato do Mundo.

Jogos para acompanhar também este sábado:

Japão - Zâmbia (Grupo C)

Inglaterra - Haiti (Grupo D)

Dinamarca - China (grupo D)

Jogos de domingo:

Suécia - África do Sul (Grupo G)

Portugal - Países Baixos (Grupo E)

França - Jamaica (Grupo F)

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Mundial feminino de futebol: Portugal quer "dominar" Vietname

Jenni Hermoso confirma perante o juiz que foi beijada sem consentimento por Rubiales

Maioria das jogadoras da seleção espanhola põe fim a greve