EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Republicanos retiram apoio a Jordan para a Câmara dos Representantes

Os republicanos mais moderados dizem-se desgastados pelas táticas para angariar votos
Os republicanos mais moderados dizem-se desgastados pelas táticas para angariar votos Direitos de autor J. Scott Applewhite/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
Direitos de autor J. Scott Applewhite/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
De  Euronews com AP
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Jim Jordan falhou a terceira votação em quatro dias

PUBLICIDADE

Após uma terceira votação falhada, os republicanos retiraram o apoio à candidatura de Jim Jordan para presidir a Câmara dos Representantes dos Estados Unidos.

Esta sexta-feira, Jordan, uma figura próxima de Donald Trump, arrecadou apenas 194 votos entre os 221 assentos do seu partido. 

O Congresso norte-americano prossegue no impasse, após o afastamento de Kevin McCarthy por parte da ala republicana mais conservadora. Isto numa altura em que Joe Biden requer a aprovação de um envelope de 106 mil milhões de dólares, sobretudo para ajudar a Ucrânia e Israel.

O próprio Kevin McCarthy subiu à tribuna para nomear Jordan, apresentando-o como um legislador hábil que procura compromissos, o que provocou gargalhadas do lado democrata.

Os republicanos mais moderados dizem-se desgastados pelas táticas para angariar votos, que passarão por telefonemas sem fim e até ameaças de morte.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Trump aceita nomeação para corrida presidencial e cita Orbán no discurso

J.D. Vance aceitou nomeação do Partido Republicano para a vice-presidência de Trump

Biden infetado com covid-19 suspende ações de campanha