EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Tensão entre Israel e Hezbollah cresce no sul do Líbano

Comunicação pública do líder do Hezbollah é aguardada com ansiedade no Líbano
Comunicação pública do líder do Hezbollah é aguardada com ansiedade no Líbano Direitos de autor MAHMOUD ZAYYAT/AFP or licensors
Direitos de autor MAHMOUD ZAYYAT/AFP or licensors
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Israel bombardeou várias posições do Hezbollah na fronteira com o Líbano, após o grupo xiita ter atacado o exército israelita. Líbano aguarda por mensagem do xeque Khasan Nasrallah, esta sexta-feira, após semanas de silêncio.

PUBLICIDADE

O exército israelita diz ter atingido "numerosas" posições do Hezbollah no sul do Líbano, durante a noite de quinta-feira. Entre os alvos, informam os militares, estiveram "infraestruturas e quartéis-generais" do grupo xiita libanês.

A ofensiva de Israel surge em resposta aos vários ataques realizados pelo Hezbollah, que terá atingido 19 posições israelitas durante a noite, horas depois de o grupo paramilitar alegadamente ter usado dois drones carregados de explosivos para atacar o exército israelita na fronteira israelo-libanesa.

A crescente tensão entre os dois países levou já Telavive a retirar civis da região. O Líbano, a par de Gaza, a Síria e o Iémen é uma das quatro frentes que Israel visa atacar.

Esta sexta-feira, o líder do Hezbollah dirige-se à nação, pela primeira vez desde o ataque do Hamas a 7 de outubro. Após semanas de silêncio, a aparição pública do xeque Khasan Nasrallah é aguardada por muitos para saber se o o grupo libanês vai declarar formalmente guerra a Israel.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Soldados israelitas procuram túneis do Hamas na cidade de Gaza

Bombardeamentos aumentam contra Hamas e Hezbollah: Líbano lembra resolução da ONU

Israel evacua região próxima do Líbano perante ameaça de ataque do Hezbollah