OCDE revê previsões de crescimento em baixa e teme inflação

OCDE revê previsões de crescimento em baixa
OCDE revê previsões de crescimento em baixa Direitos de autor Natacha Pisarenko/Copyright 2023 The AP. All rights reserved
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Crescimento previsto para a zona euro de apenas 0,6%, Portugal deverá registar um crescimento do PIB de 2,2% em 2023

PUBLICIDADE

As últimas previsões da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico apontam para um crescimento da economia global de 2,9% em 2023, em boa parte graças ao desempenho das economias emergentes, e de 2,7% em 2024.

Mais modesto é o crescimento previsto para a zona euro, revisto em baixa e que se deverá ficar pelos 0,6% este ano, menos três décimas do que o previsto em junho, e 0,9% no próximo.

Clare Lombardelli, economista-chefe da OCDE, não esconde a preocupação com o aumento contínuo dos preços: "Continuamos preocupados com a inflação. Se a inflação se revelar mais persistente, será necessário um novo ajuste, empurrando o crescimento ainda mais para baixo."

O fraco desempenho da zona euro deve-se sobretudo ao mau momento que atravessam as principais economias europeias. As previsões apontam para um crescimento negativo da Alemanha, enquanto França e Itália se ficam pelos 0,9 e 0,7%, respectivamente.

Já Espanha segue em sentido contrário, com uma revisão em alta para um crescimento de 2,4%.

No caso de Portugal, as previsões da OCDE apontam para um crescimento de 2,2% do PIB este ano, em junho tinham previsto 2,5%, e de 1,2% em 2024.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Comissão Europeia revê em baixa previsões de crescimento económico

Taxa de Inflação anual na zona euro baixa para 2,4%

Economia portuguesa cresce 2,3% em 2023 e escapa a recessão no 4.º trimestre