EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Grécia torna-se primeiro país cristão ortodoxo a legalizar casamento de pessoas do mesmo sexo

A aprovação deste projeto de lei é uma conquista para a comunidade LGBT da Grécia que há anos reclama por mais direitos
A aprovação deste projeto de lei é uma conquista para a comunidade LGBT da Grécia que há anos reclama por mais direitos Direitos de autor AP Photo/Michael Varaklas
Direitos de autor AP Photo/Michael Varaklas
De  Euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O parlamento da Grécia aprovou na quinta-feira o casamento pelo civil entre pessoas do mesmo sexo. Legislação também prevê que casais homossexuais possam adotar, mas deixa de fora o recurso a barrigas de aluguer.

PUBLICIDADE

O parlamento grego aprovou na quinta-feira a legalização do casamento civil entre pessoas do mesmo sexo. Uma conquista para a comunidade LGBT do país apesar da resistência da influente Igreja Ortodoxa grega. 

As sondagens mostraram que a maioria dos gregos era a favor do projeto de lei apresentado pelo governo de centro-direita e apoiado por quatro partidos de esquerda, incluindo o Syriza.

Dos 300 deputados gregos, 176 votaram a favor, 76 votaram contra e 2 abstiveram-se. Os restantes 46 deputados não estiveram presentes na votação.

 Para o chefe do executivo, este também é um importante avanço para a igualdade.

"Hoje é um dia de alegria porque, a partir de amanhã, mais uma barreira entre nós será removida para criar uma ponte de coexistência num Estado livre com cidadãos livres", declarou o primeiro-ministro grego, Kyriakos Mitsotakis.

O projeto de lei concede o direito de adotar, mas impede que casais homossexuais recorram a barrigas de aluguer para terem filhos.

A questão dividiu os gregos, com a Igreja Ortodoxa a assumir um papel de destaque nas manifestações contra o projeto de lei e as organizações LGBT a lideraram as marchas em apoio à legislação. Esta quinta-feira, opositores e apoiantes convocaram mobilizações separadas à porta do parlamento grego.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Grécia aposta no desenvolvimento da produção de biometano em parceria com Itália

Eurodeputados pedem avaliação sobre Estado de direito na Grécia

Nova lei grega exclui casais homossexuais de serem pais biológicos