This content is not available in your region

Os vínculos profundos da mentoria

Os vínculos profundos da mentoria
De  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

As origens da mentoria remetem para a Grécia antiga e ainda é uma maneira popular de progredir hoje. O que faz um bom mentor? E como é que ter um pode fazer a diferença? Como é ter alguém para nos guiar e nos ajudar a realizar as nossas ambições? Descubra as respostas nesta edição de Learning World.

Líbano: encontrar um caminho

Em média, o desemprego no mundo árabe atinge os 15% e a força de trabalho está sempre em expansão. Dar aos jovens uma oportunidade de encontrar um trabalho nunca foi tão importante e, como o Banco Mundial sublinhou, a criação de emprego é vital. Uma ONG britânica, MOWGLI, pretende ajudar jovens empreendedores ambiciosos proporcionando serviços de mentoria.

Alemanha: palavras sábias

Embora o conceito de mentoria remeta para a Grécia Antiga, continua a ser uma forma poderosa de ajudar pessoas de todas as idades a progredir. A professora Nele Graf, leitora universitária, co-fundadora de uma rede de orientação e autora de publicações sobre este assunto, explica que a relação vai mais longe, que um mentor é mais do que um professor.

O mentor Gilberto Gil

Um mentor é mais do que um professor ou um treinador. Pode ser alguém com quem se cria vínculos profundos. É o caso da cantora egípcia Dina El Wedidi e do seu mentor, o músico brasileiro Gilberto Gil.