EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

"América em crise": o contraste entre o sonho americano e a realidade

"América em crise": o contraste entre o sonho americano e a realidade
Direitos de autor euronews
Direitos de autor euronews
De  Damon Emblingeuronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Uma exposição, em Londres, retrata décadas de mudanças políticas, sociais e culturais nos Estados Unidos.

PUBLICIDADE

Uma exposição, em Londres, retrata décadas de mudanças políticas, sociais e culturais nos Estados Unidos.

"América em Crise" inspira-se num conceito fotográfico dos anos 60 com o mesmo nome. A exposição ilustra o contraste entre o sonho americano e a realidade, numa época de grandes mudanças e divisões. O público pode contemplar, lado a lado, fotografias de época e imagens contemporâneas.

"Em 1968, Charles Harbutt e Lee Jones, que era nessa altura chefe de Fotografia da agência Magnum, conceberam um projecto original, chamado 'América em Crise', para olhar para o que estava a acontecer nas ruas da América, até à eleição de Nixon em 1969”, contou à euronews Sophie Wright, curadora da exposição.

"Em Maio de 2020, tornou-se óbvio que teríamos mais um ano tumultuoso na véspera de mais uma eleição e pareceu-nos muito apropriado usar esse conceito, e voltar a tratar o tema com fotografias contemporâneas", acrescentou a responsável.

O olhar de 40 fotógrafos norte-americanos

A exposição retrata eventos recentes, nomeadamente, o ataque ao Capitólio levado a cabo, no ano passado, por apoiantes do ex-presidente Donald Trump.

A luta contra a desigualdade racial, protagonizada por movimentos como "Black Lives Matter", é outro dos destaques da mostra que integra obras de 40 fotógrafos norte-americanos.

"Retrato diferentes modos de opressão em relação aos negros e evolução dessa opressão através de fenómenos muito específicos: espetáculos de linchamento, assassinato de negros pela polícia e o red lining, que designa formas de segregação apoiadas pelo governo", explicou Zora J Murff, um das fotógrafos da exposição.

As fotografias retratam uma grande variedade de temas contemporâneos: o feroz debate nacional sobre o controle de armas nos Estados Unidos, a crise climática, a revolução digital e o consumo de imagens.

"Para a galeria Saatchi, é extremamente importante continuar a oferecer uma plataforma para a fotografia, especialmente numa altura em que a atualidade e as notícias do dia-a-dia são tão influenciadas pelas imagens”, disse à euronews Laura Uccello, diretora de parcerias da Galeria Saatchi.

A exposição 'América em crise' pode ser visitada, em Londres, até ao início de abril.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Primeiro pavilhão uzebeque na Bienal de Veneza quer facilitar intercâmbio criativo

Galeria Saatchi em Londres expõe obras nascidas da pandemia

Novos talentos e grandes estrelas da música no Festival InClassica